sábado, 9 de abril de 2011

Mais uma vez! Tchau!!! Tchau!!!

Subsecretária de segurança, Michelle Barreto, deixa secretaria de segurança, menos de uma semana após ex-secretário, Laet Moutinho sair. Em carta entregue ao Prefeito, ela explicou motivos, mas a verdade é que a maioria esmagadora dos cargos: DAS, estão deixando o governo JM. Falta de motivação depois da tragédia, CPI e opiniões opostas as do Prefeito podem ter sido motivos para abandonarem o "barco". 

sexta-feira, 8 de abril de 2011

Guarda em ação! Guardas entregam suspeito de pedofilia na 110° Delegacia de polícia.

Ontem os gcm's: Lomba, Carreiro, Santana e Machado, agiram rápido e levaram em "cana" suspeito de pedofilia que segundo testemunhas, ficava nos horários de entrada e saída próximo a escola aliciando as crianças, oferecendo doces e as convidando para ir a sua casa, mas agentes da Guarda Municipal mais uma vez entram em ação e encaminham o caso a delegacia. Pais de 12 alunos, foram à delegacia prestar depoimento e relataram as autoridades policiais queixas sobre o suspeito, que já estaria ha algum tempo causando transtorno próximo a escola do Bairro Vale  Paraíso. 
Suspeito após ser ouvido foi liberado, mas pais das crianças querem que a justiça investigue a fundo.
A Guarda Municipal mostra que efetivo pequeno e falta de equipamentos como: tonfas, algemas, não é desculpa para cruzar os braços, e faz mais um grande trabalho a favor da população.

quarta-feira, 6 de abril de 2011

Luto! Mais um herói é morto, desta vez em São Paulo!

Um guarda civil de São Paulo, foi assassinado em uma suposta tentativa de assalto em frente sua residência, hoje por volta de 05h30min. O gcm José Mauro do Nascimento dos Santos, saia de sua casa quando foi surpreendido por dois homens, mesmo assim o gcm, ainda reagiu efetuando disparos contra os bandidos que também atiravam. Houve muitos disparos, policias chegaram ao local encontraram o guarda caído e o levaram ao hospital, mas já era tarde, ele não resistiu aos ferimentos. 
Segundo amigos do guarda, ele trabalhava ativamente na região contra o crime, e sua morte pode ter sido encomendada.
Mais um herói é morto por bandidos. Descanse em paz gcm Santos! Agora Guarda Civil e PM, vão atrás desses covardes, pra cima deles gcm's! 


Fonte: R7

terça-feira, 5 de abril de 2011

Política X Guarda Civil.

“Os condutores de Teresópolis cometem mais infrações que os de Nova Friburgo”.  Essa era pra ter sido a matéria de um Jornal da cidade que foi publicada no ano passado, mas ao contrario o jornal publicou esta: “Guarda Municipal de Teresópolis multa mais que a de Nova Friburgo”. Pois é até hoje causa transtorno. Junte a isso a pressão política de dois vereadores, resultado: quatro guardas respondendo, processo administrativo. E talão retido da maioria dos gcm’s.
A verdade é que os condutores infratores de Teresópolis se sentem cada vez mais a vontade para cometer suas infrações. O único que responde a rigor o que faz ou deixou de fazer é o guarda civil municipal. Quem sofre com isso são os bons condutores e os pedestres que têm diariamente seus direitos obstruídos por condutores que se sentem poderosos e defendidos por quem deveria cobrar sempre mais rigor no trânsito: os governantes. As leis de trânsito são ótimas, mas os agentes que as aplicam têm que ter carta branca para usá-las quando necessário. 
Guardas municipais reclamaram comigo que estão sem talão desde o ano passado. 
Selecionei só duas fotos das dezenas que retirei pra não ficar muito feio, mas quem passa diariamente pelas ruas da cidade sabe que estrago é ainda maior no trânsito, condutores parecem saber que estão livres de penalidades. Acredito que nenhum ou poucos guardas ainda têm talão.
Veja resultado do estrago na rua em volta a praça onde fica a igreja Santa Teresa.
Dia comum de semana na rua em volta a conhecida como: Praça Santa Teresa no centro da cidade.
Carros na posição frontal todos irregulares como mostram as fotos.
Código de trânsito
Art.181XI - Estacionar o veículo ao lado de outro em fila dupla
Penalidade: multa
Medida administrativa: remoção do veículo.                              
Obs. infração grave - 5 pontos


Tive que me ausentar do trabalho por motivos de saúde há quase onze meses, por isso tive tempo e achei necessário criar este blog. Para emprestar minha ”voz” à Guarda, sei que vai ter pessoas que vão falar que a Guarda, não precisa de voz alguma, mas a voz que empresto é a minha e respondo por isso, se preciso for, chega de hipocrisia. Fora militarismo e politicagem barata!  Avante Guarda Civil!

segunda-feira, 4 de abril de 2011

Laet Moutinho deixa governo JM! E se despede dos gcm's


Sendo lida uma carta de despedida.
                                          
Capitão Laet, mostra homenagem recebida.

Certificado entregue pelo Capitão Laet aos gcm's que atuaram com bravura na tragédia!
LAET MOUTINHO, deixou a secretaria de segurança, mas antes de ir embora se despediu dos guardas, em reunião muito emocionante. É consenso que o Laet, vai deixar saudades, apesar de eu não concordar com comando militar na GM.
Despedida foi hoje às 18:00 da tarde, em parte a saída é um ponto negativo para a GM, pois o secretário era bastante solicito, e sempre ia pelo caminho da boa conversa apaziguando ânimos quando necessário, mas deixa governo sem conseguir cumprir sua principal promessa: “fazer da Guarda Municipal de Teresópolis se não a melhor, uma das melhores do Brasil” Eu não sei se faltou ânimo ou se não lhe deram meios para tal tarefa, que é missão impossível por parte dos prefeitos em toda a existência da GM.
Senhor Prefeito, esperamos que o próximo secretário seja uma pessoa de caráter e se dedique em melhorar nossa condição de trabalho, que nos respeite e nossa opinião também, e espero que não seja um militar e que se for que saiba: nossa Guarda é civil e somos regidos pelo estatuto civil do funcionalismo público municipal de Teresópolis.

Ex-Secretário não foi o primeiro a deixar o governo e acho que nem o último ou penúltimo ou ainda antepenúltimo...!

domingo, 3 de abril de 2011

A lei que faltava! Será que vai deixar "eles" de fora pra sempre!!! Sonha!!!

SECRETARIA NACIONAL DE SEGURANÇA Instituiu um Grupo de Trabalho para propor a regulamentação do parágrafo 8º, do artigo 144.


Ato do Poder Executivo
SECRETARIA NACIONAL DE SEGURANÇA PÚBLICA


PORTARIA Nº 39, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2010


O SECRETÁRIO NACIONAL DE SEGURANÇA PÚBLICA Substituto, no uso das atribuições legais que lhe são conferidas pelo Decreto nº 5.834/2006, art. 12, e CONSIDERANDO a competência da Secretaria Nacional de Segurança Pública na implementação do Sistema Único de Segurança Pública (SUSP), buscando fortalecer o pacto federativo entre as diferentes unidades federadas, no intuito de garantir segurança pública aos cidadãos e cidadãs brasileiros; CONSIDERANDO a competência da Secretaria Nacional de Segurança Pública elaborar propostas de regulamentação em assuntos de segurança pública, referentes ao setor público e ao setor privado;
CONSIDERANDO que compete à Secretaria Nacional de Segurança Pública, estimular e propor aos órgãos estaduais e municipais a elaboração de planos e programas integrados de segurança pública, objetivando controlar ações de organizações criminosas ou fatores específicos geradores de criminalidade e violência, bem como estimular ações sociais de prevenção da violência e criminalidade; CONSIDERANDO que a Constituição Federal em seu art. 144, parágrafo 8º possibilita aos municípios a criação de Guardas Municipais, sendo estas regulamentadas por legislação; 
CONSIDERANDO a existência de aproximadamente 800 municípios que possuem Guarda Municipal, totalizando 85.000 profissionais; CONSIDERANDO a criação do Conselho Nacional dos Secretários e Gestores Municipais de Segurança, em 2009, com total apoio da Secretaria Nacional de Segurança Pública, que tem por objetivo desenvolver uma pauta específica dos municípios no campo da segurança pública, resolve:


Art. 1º - Instituir um Grupo de Trabalho para propor a regulamentação do parágrafo 8º, do artigo 144, da Constituição Federal, estabelecendo as competências de atuação dos profissionais das GUARDAS MUNICIPAIS, no âmbito do Sistema Único de Segurança Pública, bem como propondo diretrizes para temas relacionados a atuação da Guarda Municipal.


Art. 2º - Designar para a Coordenação do Grupo de Trabalho a Coordenadora Geral de Ações de Prevenção em Segurança Pública, Cristina Gross Villanova;


Art. 3º - Designar para o desenvolvimento dos trabalhos os seguintes membros: Marcilândia Araújo, da Secretaria de Assuntos Legislativos/MJ; Cátia Simone Gonçalves Emanuelli, Coordenadora da Coordenação Geral de Ações de Prevenção em Segurança Pública/ Senasp/MJ; Alexandre Herculano Rodrigues da Silva, assessor do Diretor do Departamento de Políticas, Programas e Projetos; Gilson Menezes, Presidente do Conselho Nacional das Guardas Municipais; Joel Malta Sá, Comandante da Guarda Municipal de São Paulo; Jaques Ferreira Aguiar, da Guarda Municipal de Fortaleza; Carlos Augusto Souza Silva, do Sindicato das Guardas Municipais de São Paulo - Sindiguardas; Jefferson Alessandro Galdino Mamede, Gestor de Segurança e Guarda Municipal de Barra Mansa/RJ; Fernando César Zarantonello, Secretário Municipal de Segurança de Cabreúva/ SP; Rodrigo Alonso, Comandante da Guarda Municipal de Várzea Grande/MT; Adriano André Sehn, da Guarda Municipal de São Leopoldo/RS; Wagner Gonçalves de Carvalho, Comandante da Guarda Municipal de Campinas/SP; Marco Alves dos Santos, Comandante da Guarda Municipal de Praia Grande/SP, Maurício Donizete Maciel, Comandante da Guarda Municipal de Varginha/MG.
Parágrafo Único - Poderão ser convidados a participar dos trabalhos e debates do Grupo de Trabalho especialistas, representantes de outras instituições governamentais ou não-governamentais e representantes de outras Secretarias do Ministério da Justiça.


Art. 4º - O Grupo de Trabalho terá a seguinte competência:
I - Propor o marco regulatório das atribuições e competências das Guardas Municipais;
II - Definir os instrumentos técnicos para cadastramento e acompanhamento das Guardas Municipais;
III - Legitimar a Matriz Curricular Nacional para Formação de Guardas Municipais;
IV - Propor modelo de Corregedorias e Ouvidorias para as Guardas Municipais;
V - Propor políticas públicas voltadas à prevenção da violência e criminalidade, inseridas no Sistema Único de Segurança Pública - SUSP, em âmbito municipal;
VI - Propor modelos de plano de carreira, padrão de uniforme e equipamentos para as Guardas Municipais.


Art. 5º - A Secretaria Nacional de Segurança Pública dará apoio administrativo e executivo para o bom andamento dos trabalhos do Grupo de Trabalho.


Art. 6º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.


ALEXANDRE AUGUSTO ARAGON

“O homem de bem exige tudo de si próprio; o homem medíocre espera tudo dos outros.” - Confúcio / "Se você é capaz de tremer de indignação a cada vez que se comete uma injustiça no mundo, então somos companheiros." - Che Guevara