quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Goiânia: Palavras do Delegado.


Texto publicado no dia 27 de Setembro de 2011  no jornal Correio da Manha de Goiânia

A Guarda Municipal poderá e deverá ser utilizada para fortalecer o sistema de Segurança Pública, principalmente aqui em Goiânia e na vizinha Aparecida.
É imprescindível o auxílio da GM na nobre função de policiamento ostensivo e preventivo. É sabido que a presença maciça de policiais nas ruas é o maior fator de inibição contra a criminalidade, então nada mais salutar que o presença da GM, armada e preparada, para auxiliar na diminuição dos índices de criminalidade.
A GM deve ser equipada com armamento não letal e também letal e ser ensinada, não adestrada, para o uso progressivo da força, a exemplo do que ocorre em outros centros.
Uma força policial fardada e de cunho civil, assim como é a Guarda Municipal, é o tipo de força policial por excelência a indicada a combater o crime nos grandes centros urbanos, pois ao contrário das forças de cunho militar, não vê o criminoso como "inimigo" a ser exterminado, e sim como um sujeito com direitos e deveres, que deverá ser tratado com a máxima equidade.
O guarda municipal bem treinado poderá ser extremamente útil no enfrentamento à criminalidade e ao mesmo tempo será de grande valia no auxílio à população por ser uma instituição mais próxima à ela.
Razão assiste ao articulista Luiz Galvão em seu artigo publicado no dia 19 de setembro, “A GM deve ser ampliada e valorizada”.
É certo que irão enfrentar um "ciúme de calçada", pois o grande temor da outra polícia é justamente a ampliação desta GM, verdadeira "polícia" fardada sem o ranço do militarismo, de cunho eminentemente civil, conseguir e demonstrar fazer um serviço à altura e talvez até melhor do que o dela, uma vez que aquela vem sistematicamente deixando de lado seu desiderato para também investigar. Nesse tocante alguém aqui já falou que é apenas o desejo de ajudar e fazer o melhor para a sociedade, entretanto quando a GM quer ampliar sua atuação no policiamento ostensivo a acusam de estar usurpando funções e colocam todo o tipo de desinformações para atrapalhar a GM a também fazer o melhor para sociedade.
A GM bem armada e bem preparada é fator crucial e imprescindível para diminuirmos os índices de criminalidade.(Antonio Ferreira, delegado de polícia)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

“O homem de bem exige tudo de si próprio; o homem medíocre espera tudo dos outros.” - Confúcio / "Se você é capaz de tremer de indignação a cada vez que se comete uma injustiça no mundo, então somos companheiros." - Che Guevara