sexta-feira, 13 de maio de 2011

Guarda de Vigilância, a VINCIT de 1967, fazia segurança na cidade, antes mesmo da PMERJ.

Sr. Irineu, Policial Aposentado e Ex-Agente da VINCIT
Segundo informações do Sr. Irineu José de Oliveira (ex-agente da Guarda de Vigilância Noturna de 1967), a Guarda de Vigilância noturna durou de 1967 a 1971, e era composta por homens que após deixarem o Tiro de Guerra, recebiam o convite para ingressar, e após um treinamento de noções de direito e de como lidar com o público..., eles incorporavam na Guarda. Atuava no: trânsito diurno, combate a incêndio, primeiros socorros e etc., e era comandada por dois sargentos do Tiro Guerra na época.
Em 1971 a Guarda Noturna acabou, sendo que seus agentes foram transferidos para a Polícia Militar que até então não existia na cidade de Teresópolis, que era protegida somente pela Guarda de Vigilância Noturna e pelo pequeno grupo de guardas, da Guarda de Parques e Jardins, que também pertencia ao município.
Ainda segundo o Sr. Irineu José de Oliveira, os guardas do Serviço de Vigilância Noturna, que foram transferidos receberam treinamento da Policia Militar com duração de oito meses, no local: Companhia Escola, em Niterói, e após voltaram ao interior do Estado, formados policiais militares e atuando como tal.

Sr. Guilherme, Policial Aposentado e Ex-Agente da VINCIT
O Sr. Guilherme de Vasconcelos Lippi, (ex-agente da Guarda de vigilância noturna de 1967), também confirmou que os jovens após serem liberados do tiro de Guerra, eram incorporados na Guarda de Vigilância Noturna (VINCIT), se de sua vontade, e que a segurança ostensiva da cidade de Teresópolis era feita pela Guarda Noturna (VINCIT). 
A hierarquia da GM era composta Por: Sargentos do tiro de guerra, fiscais da VINCIT... Fato curioso é que na época que houve a fusão da VINCIT com a segurança do Estado o Guilherme de Vasconcelos Lippi, relata que fez parte do corpo de bombeiros, pois Polícia Militar e Corpo de Bombeiros eram uma corporação só, e após divisão da PM com CBM, ele ficou só na condição de Policial. Pelo que entendi, ele foi Guarda, Bombeiro e por fim Policial! Veja foto dele abaixo fardado de Bombeiro.
Entenda que a Guarda de 1967, tinha um regulamento impecável pra época e melhor do que até os dias de hoje, vale ainda destacar que no regulamento os agentes muitas vezes são identificados como guardas ou vigilantes do município, isto implica a indagação de que a Guarda do Município de Teresópolis não tem só 11 anos como acreditávamos. O nome dado na época a instituição era: Serviço de Vigilância Noturna e Combate a Incêndio. Eles tinham treinamento de trânsito, armamento letal, entre outros. Ficavam impecavelmente uniformizados. Naquela época a violência era menor a população muito menos que a de hoje, porém a Guarda era muito organizada e investida, mas o tempo passou, a população cresceu e os investimentos dos governos sucessores foram diminuindo. Abaixo apenas uma cópia de uma pagina do belo regulamento:
A N E X O

ANEXO N° 1 - EDUCAÇÃO MORAL
Base da preparação moral do guarda para sua função
Explanação sobre o conceito do País, Nação e Soberania
Estudo sucinto da Bandeira e símbolos e escudos
Virtudes morais que deve possuir o guarda,

ANEXO N° 2 - INSTRUÇÃO GERAL
Preparação do guarda sobre a sua conduta, contato com o público, educação e energia em todas as suas atitudes,
Respeito para com as autoridades e o público em geral.
Estrutura geral da guarda, deveres e direitos dos guardas.

ANEXO n° 3 - EDUCAÇÃO FÍSICA
Seção de ginástica básica e defesa pessoal, bem como, manter a camaradagem e espírito de equipe através de esporte coletivo.

ANEXO N° 4 - ARMAMENTO E TIRO
Preparação do guarda para manutenção e limpeza do armamento e material disponível, emprego da mesma, bem como, exercício de Tiro.

ANEXO N° 5 - ORDEM UNIDA
Enquadramento de formação disciplinar do guarda e enriquecimento físico do homem.

ANEXO N° 6 - SOCORROS DE EMERGÊNCIA
Destinado a preparação do guarda para agir em ocasiões necessárias e de socorros médicos de urgência.

ANEXO N° 7 - INSTRUÇÃO SOBRE CONDUTA POLICIAL
Preparação do guarda quanto à sua conduta policial, como agir nas mais variados casos providências etc., conhecimento sobre o Código Penal e Civil e leis correlatas.

ANEXO N° 8 - INSTRUÇÃO SOBRE CONTROLE DE TRÂNSITO
Preparação do guarda quanto ao seu emprego eventual do trânsito, sinais, apitos conhecimentos sobre o Código de Trânsito etc.

ANEXO N° 9 - INSTRUÇÃO SOBRE O COMBATE A INCÊNDIO
Preparação do guarda quanto ao término ou controle de incêndios
Noções gerais do emprego do material a ser utilizado como exercício prático.

ANEXO N°10 - INSTRUÇÃO SOBRE DIREITO
Noções elementares sobre Direito, principalmente de Direito Penal.


PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESÓPOLIS, em 29 de novembro de 1967.WALDIR/BARBOSA. MOREIRA• Prefeito •A/M/

Acesse do seu lado direito da tela em ANTIGA GCM + informações de documentos relacionados a postagem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

“O homem de bem exige tudo de si próprio; o homem medíocre espera tudo dos outros.” - Confúcio / "Se você é capaz de tremer de indignação a cada vez que se comete uma injustiça no mundo, então somos companheiros." - Che Guevara