quinta-feira, 10 de março de 2011

LUTO! Profissão Perigo! A morte do GCM de Rio das Ostras. Tristeza!!!

Noticia enviada por GCM de Teresópolis ao meu orkut! vejamos: Guarda municipal é assassinado em Rio das Ostras.
Guarda Municipal de Rio das Ostras (RJ), morreu baleado nesta terça-feira (8/03/2011).  O GM estava trabalhando quando tentou separar uma briga, levou dois tiros, um no abdômen e outro na cabeça, O caso foi registrado na 128 Delegacia. A polícia já tem um suspeito, que também é procurado por um homicídio em Macaé.   Foi feito protesto à prefeitura pelos Guardas Municipais por desempenharem a função de policiamento desarmados, que é funções, segundo eles, de responsabilidade da Polícia Militar.

Fico triste em saber que mais um companheiro se foi, a minha opinião sobre isso é a seguinte: Não dá mais pra aguentar essa mania que as Guardas Municipais do estado do Rio de Janeiro têm: 1° passamos em concurso (é certo) 2° temos treinamento militar (é errado) 3° somos comandados por Militares da reserva ou da ativa (é errado) 4° se deixarmos, nos tratam em tudo como se fosse-mos policiais militares (é +errado ainda).
Uma vez na rua nos deparamos com a seguinte situação: desrespeito de boa parte da população, efetivo reduzido, e desarmado. Ainda que tenhamos um excelente treinamento de defesa pessoal que não temos seria impossível revidar a tiros e fazermos um bom trabalho no policiamento ostensivo ou no trânsito..., estamos desarmados em tudo, em algumas cidades nem o uso de tonfa e algema é permitido por lei. Colocam policias para nos comandarem, mas não nos dão condições de exercer a função como uma “policia municipal”. Não estou dizendo que foi por isso que o GCM de Rio das Ostras morreu, mas teria mais chances se tivesse como retribuir os tiros do vagabundo covarde que o matou.
Estamos de luto por ti, José Carlos Curt Werneck  companheiro de uniforme que trazia no peito, o nome da Guarda Municipal a qual honrou e pela qual morreu no exercício da função, descanse em paz!
LUTO!

Um comentário:

“O homem de bem exige tudo de si próprio; o homem medíocre espera tudo dos outros.” - Confúcio / "Se você é capaz de tremer de indignação a cada vez que se comete uma injustiça no mundo, então somos companheiros." - Che Guevara